PUBLICIDADE
Topo

CarnaUOL

Acadêmicos do Tucuruvi terá ala de "street art" criada por 18 grafiteiros

O grafiteiro Binho Ribeiro - Reprodução/Facebook
O grafiteiro Binho Ribeiro Imagem: Reprodução/Facebook

Do UOL, em São Paulo

15/02/2017 15h55

A escola de samba Acadêmicos do Tucuruvi, que desfila no próximo dia no 24 no sambódromo do Anhembi, terá uma ala inteiramente dedicada ao grafite. A homenagem à "street art" terá assinatura do grafiteiro Binho Ribeiro, curador da Bienal Internacional Graffiti Fine Art, que foi convidado pelo carnavalesco Wagner Santos.

Além do próprio Binho Ribeiro, que é morador do bairro do Tucuruvi, haverá também obras dos artistas Crânio, Chivitz, Deley, Does, Evol, Feik, Image, Kueia, Kueio, Leon, Mark1, Minhau, Presto, Sapiens, Snek, Tinho e Tioch.

Com o enredo "Eu Sou a Arte, meu Palco é a Rua", a Acadêmicos do Tucuruvi irá homenagear a cultura das artes urbanas, do surgimento da arte do circo até a consolidação do grafite na cidade de São Paulo.

Segundo a agremiação, é a primeira vez que uma escola de samba cria uma ala dedicada aos artistas de rua. “Essa homenagem à arte urbana é extremamente inovadora. O momento é de muita repercussão em torno de nós, artistas, em São Paulo”, diz Binho Ribeiro em comunicado.

“A discussão, a controvérsia e também o apoio nos posicionam e nos dão ainda mais visibilidade tanto no Brasil como no mundo. Espero que essa participação some esforços na busca por uma cidade mais bacana, com mais cor, vida e arte. Que haja entendimento e respeito entre todas as culturas”, completa.